segunda-feira, 27 de março de 2023

Aluno que atacou escola em SP teve “problemas de violência” em outra instituição

Aluno que atacou escola em SP teve “problemas de violência” em outra instituição

O secretário de Educação de São Paulo, Renato Feder, informou que o aluno de 13 anos, autor do ataque na Escola Thomazia Montoro, teve problemas com violência na instituição em que estudava anteriormente. Nesta segunda-feira (27), o menor matou uma professora, feriu outras três e um estudante.


“Ele [autor do ataque] veio de outra escola, onde ele também teve problemas. Ele teve problemas de violência em outra escola”, contou Feder em entrevista coletiva nesta tarde, horas após o atentado.

A professora que morreu foi Elisabete Tenreiro, de 71 anos. Ela foi brutalmente esfaqueada numa sala de aula. Outra docente ficou gravemente ferida ao tentar desarmar o aluno. O secretário explicou que todas as vítimas sobreviventes não correm risco de vida.

Foto: Divulgação/ Street View.