sábado, 23 de setembro de 2023

Seleção feminina vence Bélgica e segue na briga por vaga olímpica

Seleção feminina vence Bélgica e segue na briga por vaga olímpica

A seleção feminina conseguiu o quinto resultado positivo no Pré-Olímpico. Neste sábado (23.09), a equipe do treinador José Roberto Guimarães levou a melhor sobre a Bélgica em sets diretos, com parciais de 25/18, 25/14 e 25/20, em Tóquio, no Japão. A ponteira Gabi foi a maior pontuadora do confronto, com 19 acertos. A central Thaisa, com 10, também se destacou na partida. As brasileiras vão jogar pela classificação no encerramento da competição às 7h25 (horário de Brasília) deste domingo (24.09) contra o Japão. O sportv 2 transmite ao vivo.

No Pré-Olímpico, o Brasil está no grupo B ao lado de Argentina, Peru, Bulgária, Porto Rico, Turquia, Bélgica e Japão. As equipes jogam entre si e as duas mais bem classificadas garantem um lugar nos Jogos de Tóquio. As brasileiras aparecem na terceira colocação, com 14 pontos (quatro vitórias – Argentina, Peru, Bulgária e Porto Rico). Com um jogo a menos, Japão e Turquia aparecem na frente do Brasil. As japonesas lideram, com 15 pontos, seguidas pelas turcas, que também têm 15, mas um saldo de sets pior do que as asiáticas.

Na última partida do grupo B neste sábado japonesas e turcas se enfrentam pela liderança. Ao final do confronto, a seleção feminina saberá a sua situação para domingo e de quanto precisará ganhar das donas da casa para ficar com uma das vagas nos Jogos Olímpicos de Paris, em 2024.

Gabi, ponteira e capitã, marcou 19 pontos (16 de ataque, um de bloqueio e dois de saque) – “A equipe está de parabéns por ter superado um momento muito difícil que foi a perda da Wal. Nos unimos e a comissão técnica teve a capacidade de nos passar força para jogarmos e lutarmos por ela. Hoje foi uma vitória importante. A Bélgica sacou muito bem. Conseguimos manter nosso ritmo de jogo, com o saque e a defesa funcionando bem. Ainda precisamos melhorar algumas coisas. Amanhã vamos enfrentar o Japão e buscar essa classificação. Temos total condição de vencer o Japão, não vai ser uma partida fácil, mas estamos lutando uma pela outra e vamos em busca da classificação”.

Julia Bergmann, ponteira fez oito pontos (cinco de ataque, um de bloqueio e dois de saque) - “Foi uma vitória muito importante na nossa disputa pela classificação. Entramos na partida seguindo o plano de jogo que tínhamos combinado. A Bélgica é um bom time que defende bem e tem um bloqueio alto. Conseguimos fazer o nosso jogo e ficamos na frente em todo o jogo. Agora é pensar no duelo contra o Japão”.

José Roberto Guimarães, treinador do Brasil – “Gostei do comportamento do time na partida contra a Bélgica. Agora já temos que pensar no Japão para buscar a nossa classificação olímpica. Elas têm um time certinho. Vamos ter que sacar muito bem e ter muita paciência. Treinamos muito para esse momento e é hora de colocarmos em prática tudo que foi treinado. É uma velocidade de jogo completamente diferente”.

O Brasil jogou com Roberta, Rosamaria, Gabi, Julia Bergmann, Thaisa e Diana. Líbero: Nyeme Entraram: Naiane, Kisy

Foto: Divulgação/FIVB