domingo, 1 de fevereiro de 2015

DE VOLTA PARA OS BONS TEMPOS: O Puritano da Rua Augusta

O Puritano da Rua Augusta

O Puritano da Rua Augusta é uma comédia de 1965, dirigida, escrita e estrelada por Mazzaropi que conta a história de um rico Industrial, puritano e rígido, apegado às convenções e aos escrúpulos, entra em choque com os própios filhos, que contrariam suas ideias antiquadas e vivem entre jogos, danças e passeios. Irritado também com a esposa, que de acordo com sua visão passa os dias entre reuniões fúteis e chás beneficeientes, descuidando da casa, ele tem um ataque e ao se recuperar do trauma passa a agir de forma muito estranha.

  • Sinopse:
Pai de família extremamente conservador deixa os filhos loucos com sua mania de manter a moral e os bons costumes sempre em primeiro lugar. Após sofrer um ataque do coração, nada mais vai ser como antes: ele passa a se comportar como um jovem outra vez, muda o cabelo, as roupas e até o gosto pela música.

  • Elenco:
Amácio Mazzaropi ... Punduroso
Marly Marley ... Carmem
Marina Freire ... Raimunda
Elizabeth Hartmann ... Filomena
Edgard Franco ... filho de Punduroso
Augusto César Ribeiro
Zéluiz Pinho
Henricão
Gladys
Júlia Kovach
Darla
Marlene Rocha
Carlos Garcia
Cláudio Maria
Aristides Ferreira

  • Informações Técnicas:
Cia produtora: PAM Filmes (Taubaté, SP)
Direção: Amácio Mazzaropi
Assistente de direção: John Doo
Argumento: Amácio Mazzaropi
“colaborou no roteiro”: Alvim Barbosa
Diretor de fotografia: Giorgio Attili
Câmera: Geraldo Gabriel
Assistente de câmera: Rosalvo Caçador
Foquista: Maciel Afonso Fraga
Engenheiro de som: Constantino Warnowsky
Assistente: Alexandre Warnowsky
Montagem: Mauro Alice
Maquilagem: Maury Viveiros
Direção musical: Hector Lagna Fietta
Continuidade: Adalberto Pena
Estúdio filmagem: Cia Cinematográfica Vera Cruz
Laboratório imagem: Rex Filme S. A
Cor: Preto e Branco
Filmado em: 35 mm; em 24 q
Local de produção: São Paulo, SP
Ano de produção: 1965

  • Canções:
Mazzaropi canta "Sou Mais Eu", de Nazareno de Brito; Elza Soares canta "O Neguinho e a Senhorinha", de Noel Rosa e Abelardo da Silva; Claudio Guimarães canta "Você Fugiu da Escola", de Dora Lopes e Gilberto Lima; "Hino dos ciprianistas", de Elpídio dos Santos e The Jordans com participação de Claudio Guimarães que canta "Você Fugiu da Escola", de Dora Lopes e Gilberto Lima

  • Locações: 
O filme teve diversas localizações no estado de São Paulo como:

Viaduto do Chá
Avenida São João
Avenida 9 de Julho
Rua Augusta
Praça da República
Parque do Ibirapuera
Guarujá com cenas em preto-e-branco das praias de Pitangueiras e Asturias em 1965, vistas das imediações do Edifício Sobre as Ondas

Observações

"interiores rodados na Fazenda Santa - Taubaté".

Agradecimentos

Lustres Bobadilha; Criscar Automóveis Ltda. - Av. Brig Luiz Antonio, 3111; Helena Righi, Reinaldo Penna, Moacyr Freire, Géo Móveis, Casa Odeon - Taubaté.


  • Vídeos:
  • Trailer:
video

  • Mazzaropi canta "Sou Mais Eu": 
video


  • The Jordans com participação de Claudio Guimarães que canta "Você Fugiu da Escola", de Dora Lopes e Gilberto Lima
video


  • Elza Soares canta "O Neguinho e a Senhorinha":
video

Fotos:




Adalberto Pena, João Batista de Souza e Mazzaropi

Edgar Franco, Elizabeth Hartman, Carlos Garcia, Marina Freire, Marli Marley e no fundo ão Batista de Souza