sábado, 4 de novembro de 2023

PAN SANTIAGO 2023: Brasil é bronze com equipe masculina do tiro com arco

 Brasil é bronze com equipe masculina do tiro com arco nos Jogos Pan-americanos Santiago 2023

O Brasil conquistou sua primeira medalha no tiro com arco destes Jogos Pan-americanos Santiago 2023. Neste sábado (4), Marcus Vinicius D’Almeida, Matheus Ely e Matheus Gomes garantiram o bronze na disputa da equipe masculina do arco recurvo. Na decisão da medalha, eles venceram a Colômbia por 5 x 3. O Brasil ainda bateu na trave nas disputas da equipe feminina do arco recurvo e da equipe mista do arco composto: ambas foram superados na decisão do bronze e ficaram com os quarto lugares.

Na disputa da equipe masculina, o Brasil enfrentou Santiago Arcila, Daniel Betancur e Jorge Enriquez, da Colômbia. Os brasileiros saíram na frente ao vencer o primeiro set, mas os colombianos empataram no segundo (2 x 2). O Brasil venceu o terceiro set (4 x 2) e no quarto set houve empate em 28 a 28, o que garantiu um ponto para o Brasil confirmar a medalha de bronze (5 x 3 placar final).

“Essa medalha é muito importante para a gente. Merecemos fechar a temporada com uma medalha para a equipe, todo mundo saindo com medalha no peito, era o mais importante”, ressaltou Marcus Vinicius D’Almeida.

“Na prova por equipes a gente vai conversando, tentando tirar o melhor de cada um individualmente para trazer o melhor para a equipe. Os colombianos cresceram, mas a gente cresceu também. Fizemos bem e conseguimos sair com essa medalha”, endossou Matheus Ely.

“Apesar de ser um esporte individual, o tiro com arco tem essa característica de cada um depender do outro por equipe. Tínhamos duas flechas de cada um de nós para formarmos esse conjunto. É essencial que estejamos sempre unidos e crescemos na hora certa para conquistar essa medalha”, completou Matheus Gomes.

Já na disputa feminina da equipe do arco recurvo, Ane Marcele dos Santos, Ana Machado e Sarah Nikitin enfrentaram as colombianas Ana Maria Rendón, Maira Sepulveda e Carolina Posada. As brasileiras começaram bem, já abrindo vantagem de 4 x 0 nos dois primeiros sets. Mas as colombianas se recuperaram e venceram o terceiro e quartos sets, empatando em 4 x 4. Nos tiros decisivos, os “shoot-off”, empate em 28 x 28, mas a Colômbia levou a melhor com dois tiros no 10, enquanto o Brasil acertou um. Final 5 x 4 para as colombianas, que ficaram com o bronze.

Na disputa do bronze das equipes mistas do arco composto, Luccas Abreu e Larissa Oliveira travaram um duelo difícil com os mexicanos Sebastian Garcia e Dafne Quintero. Os brasileiros buscaram a eficiência para as pontuações máximas de 10, mas os mexicanos acabaram se saindo um pouco melhor. No detalhe, medalha de bronze para os México com o placar final de 155 x 153.

Foto: Terni Castro/COB