segunda-feira, 5 de fevereiro de 2024

Sesc RJ Flamengo supera o Sesi Bauru e dispara na liderança da Superliga

Sesc RJ Flamengo supera o Sesi Bauru e dispara na liderança da Superliga

Com mais uma grande atuação coletiva, o Sesc RJ Flamengo venceu o Sesi Bauru, na noite desta segunda-feira (05.02), por 3 a 0 (25-11, 25-22 e 25-19), fora de casa, pela Superliga Feminina. O Rubro-Negro chegou a 42 pontos na classificação e abriu uma vantagem de nove pontos na liderança em relação ao Osasco, segundo colocado. Foi a 14ª vitória consecutiva do time de Bernardinho na temporada (são 13 pela Superliga e uma pela Copa Brasil).

O resultado foi concretizado com mérito de todo o grupo, mas um nome teve participação especial. Responsável por garantir volume de jogo, bons saques e muita inteligência na conclusão das jogadas, a ponteira Michelle foi a vencedora do Troféu VivaVôlei de melhor em quadra. Ela destacou a importância da mentalidade do Sesc RJ Flamengo para sair das situações de dificuldade.

"Aqui não tem descanso. Estamos sempre pensando no próximo jogo. Hoje, a equipe se comportou muito bem. Sabíamos que seria uma grande partida, contra um adversário difícil, que está evoluindo no campeonato, e na casa delas. Poderia acontecer qualquer coisa, mas não deixamos o time delas crescer. Tivemos cabeça quando estivemos atrás para reagir e não perdermos o foco e a lucidez. Agora, teremos uma pausa merecida para descansar", disse Michelle.

Arrasador nos ataques e com muitas defesas, o Sesc RJ Flamengo largou com 7-2 no primeiro set. Os golpes potentes de Sabrina mantinham as cariocas no comando. E o saque, que vem sendo outra arma importante das rubro-negras, fez a diferença mais uma vez. Um ace de Valquíria levou o placar para 14-6. Michelle também deixou o dela no saque, para marcar 21-9. E Sabrina fechou a parcial arrasadora com um ataque: 25-11.

O segundo set começou mais uma fez favorável às cariocas, que entraram com a concentração lá no alto. As cariocas abriram 4-2, com um ace da levantadora Brie, e logo marcaram 12-7, após dois bloqueios: um da canadense e outro da ponteira americana Roni. O Sesi Bauru passou a forçar o saque e dificultou as ações do Sesc RJ Flamengo, mas a entrada da ponteira Helena, de 1,99m e apenas 18 anos, fez a diferença no bloqueio e nos ataques. Coube à Sabrina, novamente, fechar o set, desta vez em 25-22.

O Sesc RJ Flamengo voltou para o terceiro set disposto a fechar o confronto e abriu 11-7, após uma bola de xeque de Juciely. A atuação segura foi facilitada pela eficiência no sistema defensivo, com destaque para Michelle. No fim, Roni fechou a parcial e o jogo com um ataque surpreendente de segunda, após uma grande defesa de Marcelle: 25-22.

O próximo compromisso do Sesc RJ Flamengo será o clássico contra o Fluminense no dia 16 de fevereiro, sexta-feira, às 21h, no Maracanãzinho.

Foto: Marcelo Ferrazoli/Sesi-SP