sexta-feira, 21 de julho de 2023

Na Polônia, seleção masculina é superada pelos donos da casa nas quartas de final da Liga das Nações

Na Polônia, seleção masculina é superada pelos donos da casa nas quartas de final da Liga das Nações

A seleção brasileira foi superada pela Polônia nas quartas de final da Liga das Nações nesta quinta-feira (20.07). Depois de um lance polêmico no último ponto do primeiro set, os donos da casa fizeram 3 a 0 (24/26, 21/25 e 20/25) na cidade polonesa de Gdansk. O maior pontuador brasileiro foi o oposto Alan, com 15 pontos. O próximo desafio da equipe é o Sul-Americano, de 26 a 30 de agosto, em Recife.

A equipe brasileira entrou em quadra com Bruninho, Alan, Lucarelli, Honorato, Lucão, Flavio e o líbero Thales. Entraram Fernando Cachopa, Felipe Roque, Otávio e Leal.

Renan Dal Zotto, técnico do Brasil: “Sabíamos que seria um jogo muito difícil, decidido nos detalhes. Mérito deles que deixaram a gente sob pressão com o saque. Tivemos um aproveitamento de contra-ataque baixo. Precisamos ter paciência, rever o jogo e continuar o processo. Temos compromissos importantes até o fim do ano e queria agradecer a esses jogadores que deixaram o máximo dentro de quadra”.

Bruninho, levantador e capitão do time: “Perdemos várias oportunidades de contra-ataque no primeiro set, mas jogamos de igual para igual. Sabíamos da dificuldade, mas o time foi guerreiro. Na bola do primeiro set, o Alan disse que não pegou nele, e ali a coisa talvez tenha desandado um pouco. Mas o time voltou para o jogo e conseguiu jogar de igual para igual no segundo set e no terceiro até certo ponto. Eles foram muito eficientes no saque, deixando a gente em dificuldade. Até o Pré-Olímpico teremos bastante tempo de trabalho”

LIGA DAS NAÇÕES

1ª SEMANA - OTTAWA (CAN)

07/6 – Brasil 3 x 1 Alemanha (26/24, 25/16, 19/25 e 25/15)
08/6 – Brasil 3 x 2 Argentina (19/25, 25/19, 23/25, 25/23 e 15/13)
10/6 – Brasil 2 x 3 Cuba (16/25, 25/22, 29/27, 22/25 e 18/20)
11/6 – Brasil 3 x 1 Estados Unidos (25/19, 21/25, 25/15 e 25/21)

2ª SEMANA – ORLÉANS (FRA)

20/6 – Brasil 3 x 0 Bulgária (25/22, 25/17 e 25/15)
22/6 – Brasil 2 x 3 Japão (23/25, 21/25, 25/18, 25/22 e 16/18)
24/6 – Brasil 3 x 1 Eslovênia (23/25, 25/21, 26/24 e 25/21)
25/6 – Brasil 3 x 1 França (25/20, 26/24, 19/25 e 25/23)

3ª SEMANA – PASAY CITY (FIL)

04/7 – Brasil 1 x 3 Itália (25/23, 20/25, 15/25 e 21/25)
06/7 – Brasil 3 x 0 Holanda (25/21, 25/15 e 25/20)
07/7 – Brasil 1 x 3 Polônia (23/25, 25/22, 21/25 e 21/25)
08/7 – Brasil 3 x 0 China (25/19, 25/17 e 25/17)

FASE FINAL – GDANSK (POL)

20/7 – Brasil 0 x 3 Polônia (24/26, 21/25 e 20/25)

Foto: Volleyball World