quarta-feira, 4 de outubro de 2023

Seleção masculina vence a Ucrânia e chega à terceira vitória no Pré-Olímpico

Seleção masculina vence a Ucrânia e chega à terceira vitória no Pré-Olímpico

Empurrado pelo ginásio Maracanãzinho mais uma vez lotado, o Brasil venceu sua terceira partida no Pré-Olímpico masculino. Na noite desta quarta-feira (04.10), o time de Renan Dal Zotto derrotou a Ucrânia por 3 sets a 2 (36/38, 25/20, 21/25, 25/18 e 15/11) no Rio de Janeiro e segue firme na disputa por uma vaga em Paris 2024. O maior pontuador da partida foi o oposto Darlan, com 23 pontos. O central Flavio teve 17 acertos.

O Grupo A tem a Alemanha na liderança, com quatro triunfos, seguida por Cuba, Itália e Brasil, que têm três vitórias cada. A seleção brasileira volta a jogar na sexta-feira (06.10), às 10h, quando enfrenta o time cubano, com transmissão do sportv 2.

Renan Dal Zotto, técnico da seleção brasileira: “Hoje fizemos um grande jogo. Já tínhamos visto a Ucrânia fazer um grande Mundial no ano passado. A gente sabia da dificuldade, mas o time foi extremamente resiliente. Hoje de manhã conversamos muito sobre a postura do time, como iríamos nos comportar ponto a ponto, porque só a vitória interessava. Saímos atrás no placar, não foi fácil. E esse nível de concentração, de mentalidade vencedora, foi fundamental. Jogadores que estavam no banco entraram, deram sua contribuição. Os jogadores mais experientes foram brilhantes, como Lucão, Bruninho, Lucarelli e Thales. O Flávio fez uma grande partida. A entrada do Darlan foi fundamental, e o Alan apoiou ele o tempo todo. Foi muito bacana porque vemos o time crescendo, acreditando e cada vez mais unido”.

Darlan, oposto da seleção brasileira e maior pontuador da partida, com 23 pontos: “Sinto que é um dos meus papéis ali, chamar a torcida, motivar todo mundo. Posso tomar 50 tocos que continuo confiante e vou lutar. Agradeço a todo mundo que está lotando o ginásio pra nos apoiar. Essa torcida é fundamental, nos apoiando em momentos decisivos. Isso ajuda muito, as pessoas não têm noção”.

Flávio, central da seleção brasileira, que marcou 17 pontos (nove de ataque, sete de bloqueio e um de saque). “O que contava era a vitória, precisamos somar uma a uma até o último jogo contra a Itália, pra poder garantir essa classificação. Foi um jogo muito difícil. A Ucrânia jogou muito bem no saque e no bloqueio. A gente vinha de uma derrota e foi um resultado importante para que a equipe se recuperasse psicologicamente e ganhasse força”

Pré-Olímpico masculino

30.09 (sábado) – Brasil 3 x 0 Catar (25/16, 25/19 e 26/24)

01.10 (domingo) – Brasil 3 x 2 República Tcheca (22/25, 25/16, 25/20, 21/15 e 16/14)

03.10 (terça-feira) – Brasil 1 x 3 Alemanha (25/21, 19/25, 19/25 e 26/28)

04.10 (quarta-feira) – Brasil 3 x 2 Ucrânia (36/38, 25/20, 21/25, 25/18 e 15/11)

06.10 (sexta-feira) – Brasil x Cuba, às 10h – sportv 2

07.10 (sábado) – Brasil x Irã, às 10h – sportv 2

08.10 (domingo) – Brasil x Itália, às 10h – TV Globo e sportv 2

Foto: Mauricio Val/FVImagem/CBV